Royal Canin

Royal Canin

royal-canin

cães e gatos em primeiro lugar

Desde sua fundação, em 1968, a empresa é fiel à filosofia “conhecimento e respeito” por esses animais. Para isso, um dos principais objetivos da equipe de pesquisadores é conhecer as especificidades fisiológicas e nutricionais do animal para proporcionar uma alimentação balanceada, que leve em conta todas as verdadeiras necessidades nutricionais. A gerente da empresa, Carolina Padovani Pires, analisa o mercado e explica por que a Royal Canin se associou à Abinpet.

Qual tipo de produto a empresa fabrica e quais os principais mercados dentro do setor Pet?

A Royal Canin é fabricante de alimentos de alta qualidade nutricional para cães e gatos, portanto, faz parte do segmento de pet food. Desde 1990, a unidade fabril está instalada em Descalvado, interior de São Paulo, e conta com o apoio logístico de 36 distribuidores exclusivos. Disponibilizamos ao mercado mais de 150 alimentos, incluindo produtos específicos para raças, portes, idades, estilos de vida, necessidades específicas, cuidados especiais e auxiliares no tratamento de algumas doenças. Nossos produtos estão disponíveis em canais especializados, entre eles, clínicas veterinárias e pet shops com mais de 15 mil pontos de vendas no Brasil.

Qual a representatividade do setor Pet para as atividades da empresa?

A Royal Canin atua no segmento de pet food e 100% de nossas atividades estão representadas pelo setor Pet. Atuando no Brasil há mais de 25 anos, a empresa tem se dedicado exclusivamente a oferecer alimentos precisos às reais necessidades dos cães e gatos.

Quais foram os motivos que os levaram a associar-se à Abinpet?

Desde a fundação da Abinpet, a Royal Canin se motivou a se associar, pois temos total interesse em discutir e lutar pelos interesses e ideais comuns do setor. Além disso, fazer parte da Associação nos permite compartilhar e aprender com as trocas de experiências. Isso é essencial para nós.

Como compreende o setor no Brasil e quais os principais desafios para empreender neste meio?

Dados públicos justificam a importância do setor. O Brasil é o 4º maior país quando se analisa a população de animais domésticos do mundo, o maior produtor de pet food da América Latina, e ocupa a 3º colocação em maior produção mundial. Além disso, é importante mencionar que, em 2015, a indústria de pet food contribuiu com a parcela de 0,3% do PIB brasileiro. Considerando que o segmento de pet food representa aproximadamente 68% do setor, a Royal Canin entende que é de fundamental importância para o agronegócio no Brasil.

Vale ressaltar que a oferta de uma alimentação completa e balanceada é essencial para a garantia da saúde, qualidade de vida e bem-estar dos animais com importante impacto na saúde pública.

Acesse: www.royalcanin.com.br.