Abinpet.org.br | Notícias
16071
page,page-id-16071,page-template,page-template-blog-large-image-whole-post,page-template-blog-large-image-whole-post-php,ajax_updown,page_not_loaded,boxed,,qode-title-hidden,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-1.0,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive

hercosul

Pets são a nossa vida

 

Há mais de 15 anos no mercado, a Hercosul Alimentos nasceu em 2001 com os lançamentos das marcas ThreeDog e ThreeCats. Desde então, lança produtos inovadores e marcas consagradas no mercado. Com foco permanente em qualidade e atendimento, a empresa está sempre em busca do que há de mais moderno em tecnologias, nutrição e em técnicas de controle que agreguem qualidade e valor a seus produtos. Paulo Konzen, diretor comercial da empresa, fala um pouco mais sobre os processos da empresa na entrevista abaixo.

Qual tipo de produto a empresa fabrica e quais os principais mercados dentro do setor pet?

O mercado dentro do setor pet é bem amplo, mas a empresa se especializou em alimentos secos e úmidos para cães e gatos. As nossas principais marcas são Biofresh, Three Dogs, ThreeCats, Primocão, Primogato, Átila e Apolo. Nossos departamentos de Desenvolvimento de Produtos e Controle de Qualidade são formados por veterinários, nutricionistas, engenheiros e químicos altamente treinados, o que nos dá a certeza de que estamos fazendo o que há de melhor para o pet.

Como você compreende o setor no Brasil e quais os principais desafios para empreender neste meio?

Acredito que o setor pet ainda é bem promissor, porém, os impostos elevados e a falta de fiscalização dificultam a atuação no mercado.

Qual o papel das exportações para a Hercosul? Quais os principais mercados?

A exportação é uma questão estratégica para empresa. Com ela, buscamos um melhor posicionamento das marcas e dos produtos. Esperamos ter uma parcela bem representativa do faturamento da empresa por conta das exportações, que hoje estão concentradas na  América do Sul. Graças as exportações, o  crescimento almejado até 2020 é de 150%.

Quais foram os motivos que os levaram a se associar à Abinpet?

Entendemos que, unidos, somos mais fortes. E para lutar pelas melhorias que o setor pet precisa, uma associação é mais forte que uma empresa sozinha.

Acesse: http://ww2.hercosulalimentos.com.br/pt.

Soma

Desempenho, carinho e bem-estar animal

Prazer em nutrir é o lema da Soma Alimentos, empresa localizada no município de Rio Pomba, Minas Gerais, desde 1995. Atenta à questão da responsabilidade social, a companhia procura minimizar os impactos da tecnologia na natureza. Por isso, adota medidas para a economia de água e energia. Helder Martins, diretor geral da empresa, fala sobre o desenvolvimento de produtos e os desafios do setor.

Como é o processo de pesquisa e desenvolvimento de produtos em uma empresa 100% nacional?

Muito mais do que rações e suplementos, a empresa oferece produtos completos, funcionais e tecnológicos. As demandas são levantadas pelo time técnico-comercial, composto por profissionais gabaritados e especializados em administração, engenharia de produção, tecnólogo em alimentos, medicina veterinária e zootecnia, sempre buscando o alimento adequado para cada fase do animal.

Qual a representatividade dos pet para as atividades da empresa?

Atualmente, produtos pet representam 25%, enquanto insumos equivalem a 75% do nosso faturamento. Com a ampliação do mix de produtos pet e das áreas de atuação, esperamos que esse segmento alcance 50% do faturamento em um período de três anos.

Como entende os principais desafios do setor atualmente, e qual caminho deve ser trilhado?

A alta carga tributária e a insegurança jurídica são sem dúvida os maiores desafios que enfrentamos. Precisamos demonstrar nossa importância socioeconômica para conseguirmos a revisão da tributação do setor.

Qual a importância de associar-se a uma entidade representativa do setor pet, como é a Abinpet?

Considerando os desafios que encontramos no dia a dia da empresa, somados aos desafios do setor já citados anteriormente, percebemos que ser um associado Abinpet é importante por se tratar de uma entidade muito bem estruturada, que defende e auxilia  as empresas.

Acesse: http://www.somaalimentos.com.br/.

alcon

Precisão e qualidade: marcas registradas na Alcon Pet

 

Localizada no sul do país, em Camboriú (SC), a Alcon Pet fabrica uma linha completa de alimentos para peixes ornamentais, aves, répteis, roedores e primatas, além de condicionadores de água, testes e medicamentos. Com qualidade reconhecida e atestada pelos seus clientes, os produtos da empresa estão sob rigoroso controle de qualidade em todas as fases do processo de fabricação, da cuidadosa seleção de matérias-primas até os processos de embalagem e entrega.

A empresa tem distribuidores exclusivos em todo o Brasil e também vende no mercado internacional. O engenheiro agrônomo da empresa, Rodrigo Barreto, contou um pouco mais sobre as operações.

Com tantos anos de atuação no mercado, quais são os principais desafios do setor no momento? Como a Alcon Pet tem agido para combatê-los?

Infelizmente, ainda vemos muitas empresas que colocam produtos ilegais ou irregulares nas prateleiras, comprometendo a seriedade do mercado. Na Alcon, acreditamos no discernimento e nas ações dos órgãos reguladores. Por isso, todas as nossas instalações e produtos são autorizados pelo Ministério da Agricultura e, em paralelo, desenvolvemos pesquisas científicas para oferecer aos consumidores o que há de melhor em nutrição e qualidade de vida para os pets.

Com participação de mercado de alimento para vários animais, qual o principal foco da Alcon Pet?

Buscamos oferecer soluções em nutrição e cuidados com os grupos animais menos tradicionais, ou seja, peixes, aves ornamentais, répteis, roedores e coelhos de estimação, além de primatas. Trabalhamos para quebrar paradigmas como o da alimentação de aves ornamentais com misturas de sementes, mostrando as vantagens do uso de rações balanceadas completas.

Pode nos contar um pouco sobre o processo de desenvolvimento de novos produtos na empresa?

Temos uma equipe com formação e especialização em várias áreas, trabalhando constantemente em pesquisa e desenvolvimento. Além de buscar atender as necessidades nutricionais das diferentes espécies, nossos técnicos estão sempre em contato com os ingredientes e conceitos de nutrição mais modernos. Outra preocupação é o monitoramento das carências e necessidades dos pets e de seus tutores, de modo a trazer produtos que de fato satisfaçam os consumidores.

Como surgiu a decisão de associar-se à Abinpet? Nesse sentido, quais são os principais desafios para o setor?

A busca por melhores caminhos para o mercado pet requer organização e união, por isso a importância de ser um associado. Os principais desafios para o setor estão relacionados a romper barreiras regulatórias, que dificultam o desenvolvimento do mercado interno e também a exportação. Este trabalho é hoje representado pela Abinpet.

Acesse: http://alconpet.com.br/.

granvita

Naturalmente saudável

Com sede em Pará de Minas, no centro-oeste de Minas Gerais, a Granvita iniciou suas atividades como distribuidora de produtos de nutrição e saúde animal. A produção só se iniciou sete anos depois, em 1999, e logo se destacou pelo elevado padrão de qualidade e aceitação de alimentos para animais de estimação. Com entrega em frota própria, a empresa dispõe de uma equipe de logística em permanente treinamento, para assim prestar o melhor serviço aos seus clientes, garantindo-lhes o recebimento dos produtos em sua plena integridade e qualidade. Conversamos com José Luis Santos, diretor geral da Granvita, que nos contou um pouco sobre a empresa.

Como é o processo de pesquisa e desenvolvimento de produtos em uma empresa 100% nacional?

Na Granvita, o desenvolvimento de produtos segue as indicações do departamento técnico, que conta com um permanente monitoramento da qualidade das matérias-primas e do alimento final, através de um moderno laboratório próprio, que garante uniformidade e superior padrão de qualidade. Além disso, a empresa possui elevado grau de automação, colaboradores capacitados e fornecedores qualificados; tudo isso para produzir alimentos para cães e gatos com alto padrão.

Qual a representatividade do setor Pet para as atividades da empresa?

A Granvita é uma empresa dedicada exclusivamente à produção de alimentos para animais de companhia, especificamente, cães e gatos, sendo assim, 100% das nossas atividades são voltadas ao setor. Nossas linhas incluem “Super Premium” para cães e gatos, “Premium Especial” para cães e “Premium” para cães e gatos.

 Como entende os principais desafios do setor atualmente, e qual caminho deve ser trilhado?

O maior desafio é sobreviver aos altos impostos, principalmente depois do período de crise econômica, que desestruturou o estado de Minas Gerais em 2016.

Qual a importância de associar-se a uma entidade representativa do setor pet, como é a Abinpet?

Pra nós da Granvita, a importância de ser um associado de uma entidade como a Abinpet é principalmente a oportunidade de termos uma visão mais ampla do setor, de poder participar de debates que tratam das questões legais regulatórias, técnicas, tributárias, juntamente com as principais empresas do meio.

Acesse: http://www.granvitapet.com.br/.

Argepasi

Quem ama alimenta com qualidade

 

Boa nutrição é sinônimo de saúde na Argepasi Alimentos, empresa instalada desde 2002 na cidade de Jaborá, Santa Catarina. A disponibilidade de profissionais capacitados e sensíveis às necessidades e peculiaridades dos animais, somada ao constante investimento em alta tecnologia de processamento e extrusão de alimentos, proporcionam produtos cada vez mais saborosos e nutricionalmente equilibrados. Desta forma, a qualidade de tudo que a Argepasi faz resulta em saúde e vitalidade para o animal de estimação.

Para saber mais sobre os processos de desenvolvimento, conversamos com Paulo Argenton, diretor geral da empresa.

 

Como é o processo de pesquisa e desenvolvimento de produtos em uma empresa 100% nacional?

O processo de desenvolvimento aqui na Argepasi baseia-se nas tendências de mercado. Pesquisamos o que o consumidor procura e então, juntamente com nossa equipe de nutricionistas e técnicos de produção, fabricamos nossos produtos.

Qual a representatividade do setor pet para as atividades da empresa?

O setor pet representa 50% das nossas atividades. Trabalhamos com cinco linhas de rações para cães e quatro para gatos. O restante corresponde a avicultura, aquacultura e eqüinocultura.

Como entende os principais desafios do setor atualmente, e qual caminho deve ser trilhado?

 O setor pet tem um alto índice de informalidade, favorecido pela falta de fiscalização do governo e fomentada pela enorme carga tributária. Isso dificulta nosso trabalho. Para enfrentarmos essa questão, decidimos apostar no incremento da qualidade e variedade de nossa linha de produtos.

Qual a importância de associar-se a uma entidade representativa do setor pet, como é a Abinpet?

Ser um associado Abinpet é importante porque acreditamos que nós e os demais associados podemos manter melhores condições de relacionamento com o poder público e reivindicar melhorias na regulamentação técnica e normativa do setor. Além disso, buscamos redução de tributos.

Acesse: http://www.argepasi.com.br/.

nutriave

Cuidado e modernidade para a nutrição animal

Com 30 anos de atuação na área de nutrição animal, a Nutriave possui um moderno parque industrial de 200 mil m², localizado em Viana, região central do Espírito Santo. O investimento em capacitação de seus profissionais e em novas tecnologias, sustentou ao longo dos anos o crescimento da Nutriave, que detém o maior mix de rações de alta qualidade para cães, gatos, pássaros e animais de produção. A empresa possui também como diferencial logístico um centro de distribuição, com frota própria para entrega e atuação em todo o território nacional. Na entrevista abaixo, Marco Túlio, gerente comercial da empresa, fala sobre os desafios do setor e os cuidados em relação ao meio ambiente.

Com tantos anos de atuação no mercado, quais são os principais desafios do setor no momento? Como a Nutriave tem agido para combatê-los?

Apesar de ser uns dos poucos setores da economia que ainda cresce, o momento crítico que o país está passando tem afetado diretamente na escolha de produtos de maior valor agregado. Além disso, temos enfrentado a escassez de algumas matérias-primas e o consequente aumento de custo sem que seja possível o repasse integral. Outra questão é a carga tributária excessiva e a falta de uma legislação mais clara sobre a classificação de produtos. Para combater tudo isso, a Nutriave Alimentos pauta suas ações em um dos pilares que compõem os seus valores: o respeito. Nossa preocupação começa pelo animal que receberá o alimento, o consumidor final que busca o melhor para seu pet, e a toda a cadeia de distribuição envolvida nesse processo. Respaldados por um Centro de Tecnologia Animal referência na América Latina, entregamos produtos e serviços que não só atendem as necessidades nutricionais, mas que melhoram a qualidade de vida destes animais. Entendemos que a melhor maneira de crescer é entregar excelência em tudo que fazemos.

Quais os projetos da empresa na área de sustentabilidade?

A Nutriave é responsável pelo recolhimento de carcaças de frigoríficos de peixes de boa parte do litoral do Espírito Santo, resíduos estes que antes seriam descartados no meio ambiente e hoje são transformados em farinha e óleo de peixe – matéria-prima de excelente valor biológico.  Na produção da farinha e do óleo, é gerado um efluente líquido utilizado na fertirrigação para a produção de eucaliptos, que alimentam as caldeiras da unidade industrial. Além disso, também nos utilizamos de diversas outras práticas industriais que visam diminuir os impactos ambientais no processo de produção e reaproveitamento da água no processo de produção.

Qual a representatividade do setor Pet para as atividades da empresa?

O setor de pet food responde por 48% do nosso negócio, o restante é composto por rações e suplementos para animais de produção.

Por que se associar à Abinpet?

Visando o fortalecimento do setor, a Nutriave decidiu se associar à Abinpet, por se tratar de uma associação representativa e atuante.

Acesse: http://nutriave.com.br/.

Nicoluzzi

Fundada em 1996, a Nicoluzzi Rações formula, desenvolve e fabrica alimento pet de alta eficiência, bem como fornece matéria-prima para outras indústrias do mesmo ramo no Brasil e no exterior. Localizada em Penha (SC), a empresa é reconhecida internacionalmente pela alta qualidade e segurança de seus produtos, por conta de uma grande vantagem competitiva, da fácil disponibilidade de matérias-primas e de proximidade aos principais portos do sul do país. José Humberto de Souza, médico veterinário, conta um pouco mais sobre a trajetória da companhia.

A Nicoluzzi, inicialmente, atendia o segmento de aquicultura.  O que levou à expansão?

O objetivo inicial da Nicoluzzi Rações era atender o segmento de aqüicultura. Devido ao sucesso da empresa e sentindo a necessidade de diminuir a sazonalidade dos negócios, uma vez que aqüicultura no Brasil, e especialmente no Sul, concentra-se nos meses mais quentes, passamos a atender um mercado mais amplo e nos especializamos em nutrição animal.

Em sua opinião, quais são as oportunidades e desafios do mercado pet brasileiro?

O segmento de pet food representa aproximadamente 68% do setor. Por isso, entendemos que o mercado sempre oferece oportunidades. Um dos desafios que enfrentamos é a informalidade fiscal.

Qual o principal diferencial da Nicoluzzi em um mercado tão competitivo?

Nossa equipe é composta por colaboradores especializados e temos um parque fabril com maquinários de alta tecnologia, incluindo um laboratório de análises físico-químicas. Somos uma empresa transparente e flexível comercialmente, o que nos torna ainda mais competitivos.

Por que optou por se associar à Abinpet? Quais são suas expectativas diante disso?

Acreditamos que a união traz a força. Unidos poderemos ter os pleitos corporativos defendidos, além de fortalecer o marketing da categoria.

Acesse: http://www.nicoluzzi.com.br/.

hiper

Com foco no desenvolvimento regional, Hipernutri prevê grandes oportunidades de mercado.

 

A Hipernutri, empresa de nutrição animal com sede em Assis (SP), é uma fábrica de alimentos para animais de companhia que tem por objetivo fornecer soluções alimentícias voltadas a melhorar a saúde dos animais. O foco da produção está na linha Premium. Miguel Bosquê, Diretor industrial e comercial da companhia, fala um pouco sobre a empresa, os planos futuros e oportunidades de mercado.

Nesse momento, quais são os principais planos de desenvolvimento da Hipernutri?

A Hipernutri desenvolve alimentos da linha Premium ou superiores para cães e gatos, empregando como base das formulações matérias-primas com qualidade assegurada e elevado aproveitamento nutricional, que de fato levem benefícios à saúde dos pets. Por isso, os planos de desenvolvimento da empresa para os próximos anos estão voltados para os produtos de maior valor nutricional.

Em sua opinião, quais são as oportunidades e desafios do mercado pet brasileiro?

As oportunidades do mercado PET brasileiro são infinitas, uma vez que estamos vislumbrando um momento de amplo desenvolvimento dos mercados regionais, a abertura dos mercados dos países sul-americanos aos produtos brasileiros e o avanço da tecnologia de produção de alimentos, que tem favorecido ainda as exportações para países desenvolvidos do continente europeu e norte-americano. No entanto, este mesmo desenvolvimento traz os desafios, já que o Brasil passa atualmente por um momento de maior maturidade das empresas em pesquisa e desenvolvimento, o que tem gerado grande competitividade e dificuldade de sobrevivência das empresas que não investem no desenvolvimento de novos produtos e na melhoria da qualidade.

Qual o principal diferencial da Hipernutri em um mercado tão competitivo?

A Hipernutri é uma empresa que tem focado no desenvolvimento regional, porém, com produtos de alta qualidade e diferenciados em sua formulação, tais como proteínas hidrolisadas. O foco principal é ser reconhecida no mercado pela qualidade dos produtos e se estabelecer desta maneira.

Por que optou por se associar à Abinpet? Quais são suas expectativas diante disso?

O objetivo principal de nos associarmos à ABINPET é o fortalecimento do setor, pois sabemos que apesar da competitividade das empresas, é fundamental ter uma Associação que lute pelos interesses em comum do setor petfood. Esta é nossa principal razão de estarmos presentes como associados, além, é claro, de poder compartilhar das informações de mercado e demais informações gerais do segmento e participar das discussões pertinentes aos Associados.

Acesse: www.hipernutri.com.br.

Criatividade é uma das ferramentas para enfrentar as dificuldades do setor.

 

Imbramil

A IMBRAMIL atua no mercado há mais de 50 anos e adicionou na sua área de atuação produtos do ramo de pet food. Acima de tudo, a empresa entende a importância de seus produtos na relação de amizade entre as pessoas e seus animais de estimação, dando as mãos a todos os que reconhecem a importância deles em suas vidas. Para que isso seja oferecido da melhor forma possível, possui um moderno parque fabril equipado com laboratório e departamento técnico que realizam testes e formulações, processos de seleção de ingredientes, produção, controle de qualidade, garantindo produtos de excelente qualidade e alta eficiência em toda a linha de seus produtos.

Nome completo e cargo: Daniel Fabian Seimandi – Gerente Geral

Quais são os principais desafios do setor no momento? Como a Imbramil tem agido para combatê-los?

Destacamos três principais desafios do setor. O primeiro deles é enfrentar a crise político/econômica que, de maneira geral, afeta todos os setores da economia, tanto do ponto de vista comercial, especificamente vendas, quanto no sistema financeiro pelo iminente potencial de inadimplência. Outros dois desafios são o aumento considerável nos custos de matérias-primas, que afetam a rentabilidade, e a alta carga tributária, que afeta todo o setor. Para driblar essas dificuldades, a escolha de critérios adequados e o uso da criatividade são algumas das ferramentas utilizadas.

Quais os projetos da empresa na área de sustentabilidade?

A implantação de paralelepípedos no pátio da planta fabril da Imbramil e o Tratamento de Efluentes Gasosos foram duas ideias que encontramos para fazer um pouco pelo meio ambiente. Preocupamos-nos em crescer, mas sempre cuidando da natureza.

Por que se associar à Abinpet?

Estamos associados à Abinpet há muito tempo. Entendemos que essa associação ajuda o setor a se manter mais forte, além de termos suporte com informações do mercado sempre que necessário.

Acesse: www.imbramil.com.br.

dalpet

É preciso aliar o trabalho da empresa com ações sociais e a sustentabilidade

 

Fundada em 1985, a Dalquim, que trabalhava basicamente com produtos químicos, deu vida à DalPet em 2002. Empresa do setor pet destinada à alimentação de animais de estimação, sua unidade fabril encontra-se em Três Barras (SC). Desde sua fundação, a DalPet busca produzir alimentos de alta qualidade, atendendo o mercado desde alimentos standard até Super Premium. Parte da produção é exportada para América do Sul, América Central e Ásia. Na entrevista abaixo, Regineia Bazzotti, gerente comercial da DalPet, compartilha as ações mais recentes da empresa.

O que incentivou a DalPet em fazer a campanha “1 tonelada de amor”?

Além de produzir alimentos saudáveis e com qualidade para os animais de estimação, a DalPet sempre se preocupou em aliar o trabalho com ações sociais. Além de ajudar pessoas nos resgates de animais abandonados, a DalPet beneficia muitas ONGs com a doação de alimentos. Em 2015, lançamos o Portal Me Leva Com Você (www.melevacomvoce.com.br), um canal online para ajudar as ONGs e pessoas com interesse em realizar doações e/ou adotar um pet.

A campanha “1 Tonelada de Amor” é fruto de uma parceria entre a DalPet e a Meu Mundo Pet (aplicativo e revista sediada no RS). Essa ação, lançada recentemente, surgiu com o propósito de ajudar abrigos que acolhem e buscam lares para os pets. Com essa ação, também foi possível potencializar boas ações e movimentar as pessoas em torno da causa animal. Além disso, a campanha contribuiu com a divulgação do belo trabalho realizado por muitas ONGs e abrigos, fazendo com que fosse possível tornar mais conhecido esse trabalho, que, hoje, é prestado principalmente por voluntários. E a campanha também sensibiliza outras pessoas a contribuírem.

Um dos princípios da empresa é respeitar o meio ambiente, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida de toda comunidade. Por que isso é importante para a DalPet?

A DalPet sempre prezou – e preza – pela produção sustentável. A empresa tem como missão atuar nutrindo relacionamentos, gerando confiabilidade na qualidade de seus produtos e objetivando maximizar os resultados, tudo isso sem perder de vista a integração com a comunidade e o meio ambiente.

Por que se associar à Abinpet? Quais são os principais desafios para o setor?

Tendo em mente que a união das empresas só tem a engrandecer o setor, vemos como positiva a associação das empresas do setor Pet Food à Abinpet, visando cada vez mais padronizar os produtos e processos, a fim de atingir uma melhor qualidade e segurança nos produtos fabricados.

Acesse:  www.dalpet.com.br.